skip to Main Content

Alcançar dentes saudáveis requer uma vida inteira de cuidados. Mesmo que lhe tenha sido informado de que tem dentes bonitos, é crucial tomar as medidas certas todos os dias para cuidar deles e evitar problemas. Isso envolve obter os produtos de higiene bucal certos, além de estar atento aos seus hábitos diários.

1. Não vá para a cama sem escovar os dentes

Não é segredo que a recomendação geral é escovar pelo menos duas vezes por dia. Ainda assim, muitos de nós continuamos negligenciando escovar os dentes à noite. Mas escovar antes de dormir se livra dos germes e placas que se acumulam ao longo do dia.

2. Escove corretamente os dentes 

A maneira como você escova é igualmente importante – na verdade, fazer um trabalho ruim de escovar os dentes é quase tão ruim quanto não escovar. Leve o tempo que precisar, movendo a escova de dentes em movimentos suaves e circulares para remover a placa bacteriana. A placa não removida pode endurecer, levando ao acúmulo de cálculo e gengivite (doença precoce da gengiva).

3. Não negligencie sua língua

A placa também pode se acumular na sua língua. Isso não só pode levar a um mau odor na boca, mas também pode levar a outros problemas de saúde bucal. Escove suavemente a língua toda vez que escovar os dentes.

4. Use um creme dental fluoretado

Quando se trata de pasta de dente, há elementos mais importantes a serem procurados do que o poder de clareamento e os sabores. Não importa qual versão você escolha, certifique-se de que ela contenha flúor.

Embora o flúor tenha sido examinado por aqueles preocupados com a forma como isso afeta outras áreas da saúde, esta substância continua sendo um pilar da saúde bucal. Isso ocorre porque o flúor é uma das principais defesas contra a cárie dentária. Funciona combatendo germes que podem levar à cárie, além de fornecer uma barreira protetora para os dentes.

5. Trate o fio dental tão importante quanto a escovação dos dentes 

Muitos que escovam regularmente negligenciam o fio dental. O uso do fio dental não é apenas para obter pequenos pedaços de comida ou brócolis que podem estar ficando presos entre os dentes, como Jonathan Schwartz, DDS. aponta.

“É realmente uma maneira de estimular as gengivas, reduzir a placa bacteriana e ajudar a reduzir a inflamação na área.”

Usar fio dental uma vez por dia geralmente é suficiente para colher esses benefícios.

6. Não deixe que as dificuldades do fio dental o impeçam de usar nos dentes

Antes de mais nada, o uso do fio dental pode ser difícil, especialmente para crianças pequenas e idosos com artrite. Então, em vez de desistir, procure ferramentas que possam ajudá-lo a usar fio dental. Assim, pronto para usar da farmácia pode fazer a diferença.

7. Considere enxaguatório bucal

Os anúncios fazem com que os enxaguatórios bucais pareçam necessários para uma boa saúde bucal, mas muitas pessoas os ignoram porque não sabem como funcionam. Schwartz diz que o enxaguatório bucal ajuda de três maneiras: reduz a quantidade de ácido na boca, limpa áreas difíceis de escovar dentro e ao redor das gengivas e remineraliza os dentes.

“As lavagens bucais são úteis como uma ferramenta adjuvante para ajudar a equilibrar as coisas”, explica ele. “Acho que em crianças e pessoas mais velhas, onde a capacidade de escovar e usar fio dental pode não ser ideal, um enxaguante bucal é particularmente útil.”

Peça ao seu dentista recomendações específicas de enxaguatório bucal. Certas marcas são melhores para crianças e para aquelas com dentes sensíveis. Enxaguatório bucal prescrito também está disponível.

8. Beba mais água

A água continua sendo a melhor bebida para a sua saúde geral — incluindo a saúde bucal. Além disso, como regra geral, Schwartz recomenda beber água após cada refeição. Isso pode ajudar a lavar alguns dos efeitos negativos de alimentos e bebidas pegajosos e ácidos entre as escovas.

9. Coma frutas e legumes crocantes

Alimentos prontos para comer são convenientes, mas talvez nem tanto quando se trata de seus dentes. Comer produtos frescos e crocantes não só contém fibras mais saudáveis, mas também é a melhor escolha para os dentes.

“Eu digo aos pais para colocarem seus filhos em alimentos mais difíceis de comer e mastigar em uma idade mais jovem”, diz Schwartz.

“Então tente evitar as coisas processadas excessivamente moles, pare de cortar as coisas em pedaços minúsculos e faça essas mandíbulas funcionarem!”

10. Limite alimentos açucarados e ácidos

Em última análise, o açúcar se converte em ácido na boca, que pode corroer o esmalte dos dentes. Esses ácidos são o que levam a cáries. Frutas ácidas, chás e café também podem desgastar o esmalte dentário. Embora você não precise necessariamente evitar esses alimentos, não faz mal estar atento.

11. Consulte seu dentista pelo menos duas vezes por ano

Seus próprios hábitos diários são cruciais para a sua saúde bucal geral. Ainda assim, até mesmo os escovadores e fio dental mais obedientes precisam consultar um dentista regularmente. No mínimo, você deve consultar seu dentista para limpezas e exames duas vezes por ano. Um dentista não só pode remover o cálculo e procurar cavidades, mas também poderá detectar possíveis problemas e oferecer soluções de tratamento.

Algumas companhias de seguros odontológicos até cobrem exames odontológicos mais frequentes. Se este for o seu caso, aproveite. Fazer isso é especialmente útil se você tiver um histórico de problemas dentários, como gengivite ou cáries frequentes.

Foto Destaque: Getty

Farmacêutico
Licenciado em Farmácia pela Universidade Paulista – UNIP – 2018
Profissional com 14 anos de Experiência em Farmácia de Manipulação,
após formação atuante como Responsável Técnico, com Inscrição no Conselho Regional de Farmácia N.89527

This Post Has 0 Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.