Conheça os principais tipos de ultrassom - Blog Unicpharma
Shutterstock 536840995

Conheça os principais tipos de ultrassom

Exame pode ser indicado para diagnosticar diferentes condições de saúde

O ultrassom é um exame muito comum quando falamos de diagnóstico por imagem, principalmente porque ele pode ser utilizado por diversas áreas da medicina para identificar, checar e controlar condições de saúde de crianças, adultos, idosos e do feto durante a gravidez.
Os exames de ultrassom podem ser aproveitados por especialidades como ginecologia, urologia, ortopedia, endocrinologia, clínica médica, gastroenterologia, cirurgia geral, pediatria, cirurgia vascular, entre outros.
De acordo com a Associação Médica Brasileira, existe uma lista extensa de tipos de exames de ultrassonografia, que são utilizados de acordo com as especialidades médicas indicadas. Entre os principais estão:
Ultrassom do abdômen
Um dos exames mais realizados na prática médica. Há o exame de abdome superior que tem objetivo de avaliar e identificar doenças no fígado, vesícula biliar, pâncreas, baço, e o exame Abdome Total, que além dos órgão apontados também avalia os rins e adrenais, grandes vasos (artéria aorta e veia cava inferior) bexiga urinária e as cavidades abdominais.
Ultrassom das articulações
Estudo que permite avaliação dinâmica das articulações como: Ombros, cotovelos, punhos, quadris, joelhos e tornozelos, assim como das estruturas anatômicas adjacentes: músculos, tendões (tendinites), bursas (bursites), entre outros.
Ultrassom para circulação sanguínea / Vascularização
Existe um tipo de ultrassom chamado Doppler Colorido. Este exame permite avaliar o fluxo sanguíneo (circulação de sangue) no diversos órgãos do corpo humano. As principais indicações desse exame são: estudo e pesquisa das varizes de membros inferiores, insuficiência arterial, pesquisa de alterações na circulação ou em lesões de órgãos como fígado e tireóide, avaliar a circulação sanguínea materno fetal durante a gestação.
Ultrassom das mamas e transvaginal
São exames dedicados à saúde da mulher. Confira os principais exames abaixo:
Ultrassonografia das mamas
Diferente da mamografia, que é indicada principalmente a partir dos 40 anos de idade, o ultrassom das mamas pode ser realizado em qualquer faixa etária e principalmente em pacientes jovens para analisar o tecido e a glândula mamária, na pesquisa de nódulos ou cistos.  É um exame complementar à mamografia nas pacientes maiores de 40 anos.
Também indicado para mulheres com implantes (prótese) de silicone ou ainda pacientes grávidas ( a fim de evitar a radiação da mamografia).
Ultrassonografia transvaginal
Este exame é feito através da introdução do transdutor (equipamento realizado para adquirir as imagen) no canal vaginal da mulher. Por isso, só pode ser realizado em pacientes não virgens. Tem utilidade para avaliação do útero, ovários, endométrio (parte interna do útero) e demais estruturas da pelve feminina.
Ultrassom em gestantes
Talvez essa seja a modalidade do ultrassom mais conhecida, já que ele é o exame mais utilizado durante a gravidez. São muito comuns os ultrassons obstétricos, morfológicos, Doppler Obstétrico e o exame 3D/4D. Confira abaixo:
Ultrassom obstétrico
O exame obstétrico ajuda a datar a gravidez, verificar o crescimento e desenvolvimento fetal, avaliar batimentos cardíacos e vitalidade fetal, estudar a placenta entre outros.
Ultrassom morfológico
O exame morfológico avalia a condição do bebê durante a gestação. É realizado no primeiro e no segundo trimestre para avaliar anatomia e desenvolvimento do feto, além da pesquisa / rastreio de possíveis doenças ou cromossomopatias. No primeiro trimestre, a realização ocorre entre 11 e 14 semanas de gestação, e no segundo trimestre, entre 21 e 24 semanas.
Doppler obstétrico
Avaliação da circulação sanguínea materno fetal (placenta, cordão umbilical e circulação fetal.

Voltar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *