Para que serve o exame dos olhos? - Blog Unicpharma
Shutterstock 284499374

Para que serve o exame dos olhos?

Um exame oftalmológico de rotina permite detectar precocemente as principais doenças oculares. No teste oftalmológico são avaliados olhos, pálpebras e canais lacrimais com objetivo de verificar a saúde dos olhos e investigar enfermidades como glaucoma ou catarata. Em geral, nesse teste é realizado o exame de acuidade visual.
No entanto, o médico da área de oftalmologia pode fazer outros exames de olhos mais específicos, que incluem avaliação dos movimentos oculares ou da pressão ocular com o uso de máquinas ou instrumentos e luzes específicas.

Exame de acuidade visual

Serve para avaliar o potencial de visão do paciente. O médico coloca um letreiro, com letras de diferentes tamanhos ou símbolos, em frente ao paciente para que ele tente fazer a leitura.
Com o uso de gráfico padronizado, o paciente deve ler quadros de letras, conhecidos como tabela de Snellen, que se encontram a partir de seis metros. Atualmente, os projetores permitem simular essa distância com espaços menores.
A refração, etapa seguinte deste exame dos olhos, permite determinar o grau dos óculos, inclusive em crianças. Com a lâmpada de fenda, o médico pode também diagnosticar a catarata e outras doenças dos olhos. A medida da pressão intraocular é importante para o diagnóstico precoce do glaucoma.

Fundo de olho

Numa consulta oftalmológica padrão também é examinado o fundo de olho com o oftalmoscópio, equipamento que permite verificar se o paciente tem escavações glaucomatosas, diabetes, hipertensão, AIDS, entre outras doenças.
No exame oftalmológico completo também são realizados os seguintes testes:

  • Exame de movimentos oculares: avalia se os olhos estão alinhados.
  • Fundoscopia: serve para diagnosticar alterações na retina ou no nervo óptico. O médico utiliza uma lente acessória para examinar o paciente.
  • Tonometria: mede a pressão intraocular, por meio de uma luz azul projetada sobre o olho do paciente e do contato com aparelho medidor ou de sopro.
  • Avaliação das vias lacrimais: o médico analisa com colírios e materiais a quantidade da lágrima.

Quando fazer o exame dos olhos

Varia de acordo com a idade e a presença ou ausência de problemas de visão, sendo que as pessoas que têm alterações visuais devem consultar o oftalmologista pelo menos uma vez por ano.
No entanto, o médico pode recomendar exames mais frequentes e específicos, caso a pessoa sofra de diabetes, pressão arterial elevada, glaucoma ou tenha um trabalho que exija muito da visão. E você, anda cuidando bem dos seus olhos?

Voltar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *