Endotélio: Qual Sua Função No Corpo? Confira!

O endotélio é uma camada de células que reveste os vasos sanguíneos e linfáticos do corpo. Dessa maneira, embora você provavelmente não saiba que ele existe, seu epitélio é vital para mantê-lo vivo! Inclui todos os vasos que transportam sangue e linfa, incluindo as câmaras do coração e os glomérulos, ou “filtros” dos rins. Assim, confira qual a função do endotélio no seu corpo, aqui no Blog da Unic!

Em suma, você pode ter ouvido o sangue ser descrito como um “rio do corpo” ao longo do qual mensagens e suprimentos entre células e órgãos são enviados.

Logo, o que você pode não perceber é que esse rio precisa ser rigidamente regulado. Então, não pode ser permitido que fique muito baixo ou muito alto, e decisões devem ser tomadas sobre quais materiais e mensagens são enviados junto com ele.

Disso depende o funcionamento de todo o corpo. Uma vez que células e órgãos só podem funcionar se suas necessidades atendidas e se receberem as devidas mensagens pelo sangue.

O endotélio pode não parecer muito se você olhar para ele durante uma dissecção ou sob um microscópio. Ele reveste os vasos sanguíneos e se parece um pouco com um filme plástico de celofane.

Mas, no nível molecular, o epitélio executa muitas tarefas importantes que são vitais para manter a saúde de nossos corpos.

Algumas dessas tarefas do Endotélio são:

  • Monitorar e controlar a liberação de eletrólitos e água no sangue.
  • Controlar a pressão arterial, relaxando ou contraindo em resposta a sinais hormonais e neurais.
  • Impede a coagulação do sangue dentro dos vasos. As células realmente contêm e liberam fatores anticoagulantes conforme necessário!
  • Permeabilidade seletiva – mantém fora dos vasos coisas que não deveriam estar no sangue. O endotélio permite que os glóbulos brancos passem entre os tecidos e os vasos sanguíneos, por exemplo, mas não as bactérias.
  • Crescimento e reparação de vasos sanguíneos.
  • Respostas imunológicas e inflamatórias.

“Disfunção endotelial” – quando o endotélio não realiza algumas dessas funções adequadamente – pode ser um sintoma e causa de muitas doenças.

A disfunção endotelial pode desempenhar um papel na hipertensão, se as células endoteliais não estiverem liberando fatores anticoagulantes adequados. Os problemas endoteliais também podem levar a respostas imunológicas inflamatórias que danificam os órgãos e à formação de coágulos sanguíneos nas artérias.

Os médicos costumam observar disfunção endotelial em pessoas com doenças cardiovasculares, diabetes, hipertensão, pessoas com colesterol alto e fumantes.

Foto Destaque: Divulgação/Getty Images

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *