Tive diagnóstico de isquemia, e agora? - Blog Unicpharma
Isquemia Cardiaca

Tive diagnóstico de isquemia, e agora?

A isquemia prejudica a oxigenação do coração e precisa de atendimento de emergência

A isquemia acontece quando o fluxo de sangue que chega ao coração diminuiu por causa de um obstáculo em alguma artéria. Esse obstáculo pode ser parcial ou total, mas, de qualquer maneira, prejudica a oxigenação do coração, podendo causar danos bem graves, como lesão no músculo cardíaco, infarto e até morte súbita.
Dores no lado esquerdo do peito, no pescoço ou maxilar, ombro ou braço, falta de ar, náusea e vômitos podem ser sinais de que uma isquemia está prestes a acontecer.
No entanto, em geral, esse é um evento que ocorre lentamente, piorando ao longo do tempo, sem gerar sintomas. Por isso é tão perigoso!
Existem algumas condições clínicas que favorecem a isquemia. Vale a pena checar a lista: aterosclerose, trombos, espasmos coronários, cardiopatia congênita, taquicardia, dislipidemias, infecções, anemia grave, hemorragias, asfixia, intoxicação por monóxido de carbono, exercícios extenuantes, emoções fortes, tabagismo, histórico familiar.
O diagnóstico de isquemia é sempre dado pelo médico e, como essa é uma condição que exige medidas de emergência, ao menor sinal de que algo está errado com o coração, é preciso buscar ajuda rapidamente.
O tratamento sempre vai depender da causa e da gravidade dos danos causados pela isquemia.
É muito comum que o médico receite medicamentos e, em casos mais sérios, recomende procedimentos cirúrgicos para desobstruir a artéria bloqueada.
Feito isso, é possível voltar à rotina, mas colocando as consultas médicas como prioridades na agenda, como forma de prevenir outros episódios de isquemia ou mesmo tratar alguma sequela.
Você sabia?
A isquemia pode acontecer em qualquer parte do corpo, mas tem consequências mais sérias, com risco de morte, quando atinge artérias que levam sangue ao coração e ao cérebro.

Voltar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *