Portrait Of Cute Toddler Boy Fell On Park Road

Doenças reumáticas em crianças: como identificar?

Quedas constantes e dores que não passam podem ser sinais do problema

As doenças reumáticas se caracterizam por comprometer o sistema musculoesquelético. Algumas podem ser prevenidas, como as degenerativas e metabólicas; outras são inevitáveis, como é o caso das inflamatórias.

Febre sem identificação da causa, perda de peso, alterações no comportamento, dores nas juntas, alterações urinárias e queda de cabelos podem ser sintomas de doenças reumáticas inflamatórias em geral. Essas são as que mais afetam as crianças.

Como identificar doenças reumáticas em crianças

As doenças reumatológicas que mais atingem as crianças são as do tipo inflamatórias, que são incuráveis e autoimunes (quando o sistema imunológico ataca os próprios órgãos).

De acordo com o Ministério da Saúde, no Brasil, a mais frequente é a febre reumática, que provoca inflamação especialmente no coração, nos vasos sanguíneos e nas articulações. O segundo lugar fica para a artrite idiopática juvenil, que é uma inflamação nas articulações.

Você pode perceber sinais de doenças reumáticas se, de uma hora para a outra, a criança passa a cair repetidamente, tropeçar ou caminhar com dificuldade. Dores constantes, que não passam com analgésicos, também podem ser sinal de alerta para o problema.

Se não forem tratadas, as doenças reumáticas podem provocar deformidades articulares e até invalidez. Se você identifica algum desses sintomas na criança, consulte um pediatra o mais rápido possível.

Conheça o tratamento para doenças reumáticas

As doenças reumáticas da infância são complexas e pedem avaliações constantes, inclusive com necessidade de exames laboratoriais periódicos.

Infelizmente, nessas condições, é comum que a criança precise de internações eventuais em pronto-socorro, enfermaria e unidade de terapia intensiva (UTI).

Dependendo da causa, o tratamento requer o uso de anti-inflamatórios e antibióticos para prevenir a progressão da doença, além de fisioterapia e até mesmo psicoterapia.

Não se esqueça: a detecção e o tratamento precoces das doenças reumáticas possibilitam a prevenção de danos permanentes. Com o tratamento adequado, a criança pode ter uma vida praticamente normal. Não deixe de procurar um pediatra ao menor sinal de problema.

Voltar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *