Conheça a diferença entre tônico, demaquilante e leite de colônia - Blog Unicpharma
Limpeza De Pele Remove Cravos E Espinhas

Conheça a diferença entre tônico, demaquilante e leite de colônia

Se engana quem pensa que tônicos, demaquilantes e leite de colônia agem do mesmo jeito na pele. Os três cosméticos têm funções e proporcionam resultados diferentes na saúde e aspecto do rosto. De acordo com a coordenadora do ambulatório de cosmiatria da Unicamp, Raquel Tancsik Cordeiro, o leite de colônia pode ser considerado um tônico também. Entretanto, “estes produtos devem ser usados com cuidado, pois muitas vezes contêm álcool na sua formulação, que pode ressecar e irritar a pele”. Nem sempre são necessários e recomendados.

Tônicos têm a função de realizar uma limpeza mais profunda da pele, além de prepará-la para receber outros cosméticos. Segundo a esteticista e massoterapeuta Viviane Esteves, o uso do tônico deve sempre estar relacionado ao do sabonete ou emulsão de limpeza: “feita com algodão, esta etapa limpa mais profundamente, complementa o hábito de lavar o rosto e também remove resíduos destes produtos da pele”, diz.

A esteticista Marina Soares Fressato também explica que após o uso de produtos higienizantes, a pele fica levemente ácida. O tônico vem justamente para reequilibrar o pH da pele, antes que receba tratamentos de hidratação, nutrição e rejuvenescimento. Ela recomenda o uso de loções tônicas todos os dias, após lavar o rosto pela manhã e pela noite, sempre antes da aplicação de cremes e filtro solar para que não prejudique seus princípios ativos.

O tônico adstringente ajuda na prevenção do aparecimento de cravos e espinhas, pois favorece limpeza mais profunda dos poros. Entretanto, fórmulas que contém álcool tendem a ressecar a cútis e despertar um processo inverso de aumento na produção de oleosidade natural da pele, como forma de compensar o desequilíbrio.

Sono sem maquiagem
Demaquilantes são os produtos utilizados pra retirar maquiagem. E, de acordo com a dermatologista, nem sempre são tônicos. A etapa da tonificação não anula a necessidade do demaquilante, que contém ingredientes específicos para agir na solubilização dos ingredientes da pintura. Entretanto, a remoção de produtos a prova d’água é mais eficiente com o uso de óleo bifásico.

A maquiagem não deve ficar por muito tempo na pele porque pode causar irritações, além de obstruir os poros dificultando a respiração. Isso favorece o aparecimento de cravos e espinhas, além de deixar a pele com uma aparência envelhecida e cansada. Vale a pena recorrer aos demaquilantes não só à noite, mas também durante o dia, ao retocar pintura.

É sempre importante lembrar de estender todos os cuidados que se tem no rosto à região do pescoço, que também fica exposta e suscetível ao envelhecimento precoce.

O colo também, em alguns casos, merece receber esta limpeza mais profunda se tiver recebido qualquer dose de corretivo para pele, base ou pó compacto.

 

Voltar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *